A Cidade dos Vampiros


    DIRETÓRIO :: Chateau K. Götlieb

    Compartilhe
    avatar
    Narrador
    Admin

    Mensagens : 36
    Data de inscrição : 13/02/2014

    DIRETÓRIO :: Chateau K. Götlieb

    Mensagem por Narrador em Seg Fev 17, 2014 1:32 am



    "Há dois graus no orgulho: um, em que nos aprovamos a nós próprios,
    o outro, em que não podemos aceitar-nos. Este provavelmente o mais requintado"

    Henri Frédéric Amiel

    Conde Götlieb destaca-se por ser o mais antigo nobre apossar-se daquelas terras, construindo um palacete que ao longo de duas gerações se transformara numa propriedade moderna quando comparada às outras que seguiram um estilo arquitetônico no período. Parte de sua estrutura foi destruída num incêndio, reconstruída já seguindo estilo diferente do original. Apenas quando houve uma restauração ainda antes da Segunda Guerra Mundial foi mantida o estilo, e na década de 60 os seus arredores ganharam uma beleza bucólica digna de uma nobreza eu lembrava o século XVI. A propriedade que um dia serviu de casa de veraneio para tantos nobres e elites aliados ao Sacro Império Romano-Germânico Habsburgo era agora a Convenção da Casta Strigoi.


    ## HALL PRINCIPAL
    ¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
    A simples entrada no Chateau Götlieb é considerado uma honra, uma vez que o lugar ainda seja uma casa de veraneio, agora para políticos, advogadores, juízes, desembargadores e artistas. O luxo apresentado mostra que a casa é realmente uma casa para nobres e elites, oferecendo um amplo salão onde são realizados alguns eventos sociais, com acesso a pequenos lobbies para reuniões particulares sem desligamento propriamente do salão e com acesso ao paço arborizado ao lado contrário aos dos lobbies. Neste grande salão encontra-se uma escadaria única, que após o alcance do primeiro pavimento ganha uma divisão dupla para diferentes outras acomodações: ao leste os aposentos particulares, salas de jantar e outros salões privativos, sobretudo para saraus com sacada grandiosa com vista para o paço e o distante Vale Verde; ao oeste estão localizados salões administrativos, gabinetes e outros escritórios de acesso restrito.


    ## SALÃO NOBRE
    ¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
    Um dos salões localizados na parte oeste, destacando-se por ser propriamente o Diretório Strigoi, onde todos os assuntos políticos e estratégicos da Casta são discutidos, sob a autoridade do Priscus da Convenção em poder no momento. Nesta sala ainda é que também acontece às eleições para o cargo, ocorrendo a cada 25 anos com os Priscus podendo ou não ser mantido no poder. Lorde Hammërstein talvez seja o mais antigo a deter o poder da casa, “perdendo” seu poder somente com o fim do Império Habsburgo em 1914 e retomando em 1950. Nesse período o Diretório, formado sobretudo pelos representantes do Conselho e outros, ali sendo os Magistrados, dividiram o poder em circunstância da instabilidade política austríaca e das duas Grandes Guerras. Embora uma mesa circular seja presente na sala para abrigar todos os Magistrados e o Priscus. Porém, não necessariamente lobbies, a sala providencia posicionamento circular de poltronas com mesas laterais e um espaço no centro para pronunciamentos, o que permite maior dinamização durante as conversações.


    ## SALÃO COMUNAL
    ¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
    Este salão é o espaço aberto para que os Strigoi recebam seus visitantes, brevemente anunciados para que possa ser realizada todas as preparações (e precauções, evidentemente) possíveis. É uma sala requintada com estilo de fim do século XIX, mas sendo louvável os detalhes em prata, ouro e cristal, artes renomadas, uma lareira de pedras e móveis do século em madeira trabalhada e estofamentos em camurça vermelho adornados com mantos de tom tabaco ou dourado. Grandes janelas proporcionam um ambiente arejado, sobretudo por estar voltado para o Vale Verde. O salão encontra-se sempre aberto, até mesmo para conversações mais triviais.

      Data/hora atual: Qui Out 19, 2017 8:52 am